A dupla que faz sonhar

06 de Outubro de 2016

Para estes jogos tenho especial expectativa (não é curiosidade, porque essa é dos gatos) para ver Cristiano Ronaldo e André Silva a jogar juntos na frente de ataque da nossa seleção. E é mesmo isto que escrevi: jogar juntos! Não apenas estarem ambos no onze inicial e depois não existir ligação de processo/movimentos atacantes entre os dois. Não será, naturalmente, fácil de inicio, mas apesar do herói ser Ronaldo, imagino André Silva, pela sua maturidade precoce de jogo, a pensar e proporcionar mais isso. Se ele fizer a “maturação da formação” com a continuidade da qualidade que se lhe pressente, não existem dúvidas que temos ali um grande nº9 de verdade para o futuro. Entrar neste “FC Porto de tempos difíceis” sem receio e até enfrentando tudo sem temer, revela antes do seu jogo em campo, aquilo de que ele é feito por dentro. E isso, para fazer uma carreira a top, acreditem, conta mais.