UWE SELLER

16 de Junho de 2005

Muitos não o conseguem imaginar sem uma caneca de cerveja e uma suculenta Brathwurst, as opulentas salsichas alemães, ao lado. Morfologicamente arredondado, roçando o gordito, Der Dick, não passando dos 1,70 metros de altura, longe das torres de músculos que caracterizavam os jogadores germânicos, ele foi o terrível goleador que marcou os anos 60 do futebol alemão: Uwe Seller. Não era um génio, mas dentro da área o seu futebol adquiria contornos demoníacos. Um panzer dono de um remate fulminante, muito astuto nas desmarcações e com grande capacidade de drible. Quando pegava na bola, os adeptos, eufóricos, gritavam “Uwe, Uwe”, como prevendo o aproximar do balançar das redes. Estreou-se na National Manshaft com apenas 18 anos, em Outubro de 1954, num onze ainda com os louros frescos do titulo mundial conquistado poucos meses antes.

UWE SELLERAo longo da sua carreira fez 43 golos em 72 jogos pela selecção, mas apesar do prestigio mundial que foi alcançando, a vida de Seeler é sobretudo uma enorme história de amor a um clube, ao qual, apesar dos tentadores convites para sair que teve ao longo dos anos, se manteve fiel toda a carreira: o Hamburgo SV, o emblema da sua cidade onde nasceu a 5 de Novembro de 1936 e pelo qual assinou, com apenas 8 anos, a sua primeira licença. Em toda a sua vida não conheceu outro clube, nele conquistou os seu maiores títulos, e fez 446 golos em 520 jogos de Campeonato. Hoje, respeitado sexagenário, é, mais do que simples dirigente do HSV. É o seu grande embaixador. Aos 63 anos, continua a conservar o mesmo olhar travesso de menino pleno de esperança. Permanece com as faces rosadas, que, quando jogador, quase fazia parecer, tal a forma vermelha com que ficava com o esforço, que jogava com um cachecol amarrado ao pescoço.

CARREIRA

  • Hamburgo, 1944 a 1972 (29 anos!).
  • Cork City (Irlanda), 1978.
  • TITULOS
  • 7 vezes melhor marcador da Oberliga Norte com o Hamburgo, 1955, 1956, 1957, 1959, 1960, 1961, 1962.
  • 3 vezes melhor jogador do ano na Alemanha 1960, 64 e 70.
  • Melhor marcador da Bundesliga 1964 (30 goles).
  • Vicecampeão do mundo (RFA 1966).
  • 1 Bundesliga ( Hamburgo, 1959/60).
  • 1 Taça da Alemanha, 1963.